logo olho site

  • Página Principal

Iridectomia (Laser)

A iridectomia a laser é uma perfuração na periferia da íris que tem como objetivo permitir a passagem direta do humor aquoso da câmara posterior para a câmara anterior.

É realizada com anestesia tópica, com auxílio de uma lente especial que se apoia sobre a córnea. É um procedimento rápido, indolor, executado com laser de YAG ou de argônio.

Um colírio anti-inflamatório é prescrito para ser usado por alguns dias. As complicações são geralmente mínimas e auto-limitadas.

Confira também

  • Palestra com Serge Peyrot

    palestra_com_serge_peyrotA Olho Clínica e Cirurgia sempre preocupada com os valores sócio-culturais apresenta a palestra sobre Terapia Morfoanalítica proferida pelo seu criador, Sege Peyrot, uma oportunidade única e gratuita para você conhecer esta terapia que trabalha o corpo e a mente proporcionando uma melhora significativa na qualidade de vida.
  • Tipos de Glaucoma

    Você sabia que existem tipos de Glaucoma? Confira quais são eles nessa matéria.

    tipos de glaucoma

    O glaucoma refere-se a um grupo de doenças oculares que provocam danos irreparáveis no nervo óptico. Este, por sua vez, é o nervo que carrega as informações visuais recebidas pelo olho até o cérebro.

    Conheça os tipos:

    Glaucoma de ângulo fechado (agudo)

    O glaucoma de ângulo fechado (agudo) ocorre quando a saída do humor aquoso é subitamente bloqueada. Isso origina um aumento rápido, doloroso e grave na pressão intraocular. Casos de glaucoma agudo são emergenciais, bem diferentes do que ocorre com o tipo crônico da doença, em que a pressão ocular desenvolve-se lenta e silenciosamente e, aos poucos, vai danificando a visão.


    Glaucoma de ângulo aberto (crônico)

    O glaucoma de ângulo aberto (crônico) é o tipo mais comum de glaucoma e tende a ser hereditário, mas sua causa é desconhecida. Nele, um aumento na pressão ocular desenvolve-se lentamente com o passar do tempo, e a pressão elevada causa um dano permanente no nervo óptico, causando perda do campo visual.

    Glaucoma congênito

    O glaucoma congênito é, como o próprio nome diz, o tipo em que a criança já nasce com a doença, herdada da mãe durante a gravidez. Este tipo de glaucoma, no entanto, é considerado raro e se descoberto, deve-se tratar imediatamente.

    Glaucoma secundário

    Por último, o glaucoma secundário costuma ser causado principalmente pelo uso de medicamentos, como corticosteroides, pelos traumas e por outras doenças oculares e sistêmicas.

     

    Fonte: Minha Vida

  • Glaucoma em criança de 8 anos - Dr. Fausto Tavares #PDr. 09