logo olho site

Contato

Endereço:
Rua Jaci, 3400
Redentora
São José do Rio Preto - SP
CEP: 15015-810
Fone: (17) 3214-8333
Email:
Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

Formulário de Contato

Envie uma mensagem (todos os campos com * são obrigatórios)

Confira também

  • Diabetes e a visão

    Diabetes ocular ou Retinopatia diabética é a causa mais comum de cegueira legal entre as idades de 20 e 65 anos. O problema ocorre pelo comprometimento dos vasos sanguíneos da retina, tecido interno do olho responsável pela visão. O tratamento adequado do diabetes, (que envolve dieta, exercícios físicos e tratamento clinico) e exames periódicos da retina são fundamentais para a prevenção da cegueira.
    Nos casos em que já ocorrem algum comprometimento da visão o exame oftalmológico torna-se fundamental para manutenção de uma função visual adequada. Pode-se optar por tratamento consagrado mundialmente como a laserterapia ou então associa-lo a novas tendências baseadas em evidencias cientificas tais como a aplicação intraocular de medicações que inibem os efeitos deletérios do diabetes podendo até restabelecer, em alguns casos, a acuidade visual.
    fundo_olho_normalretinopatia_diabeticaDiabetes ocular ou Retinopatia diabética é a causa mais comum de cegueira legal entre as idades de 20 e 65 anos. O problema ocorre pelo comprometimento dos vasos sanguíneos da retina, tecido interno do olho responsável pela visão.
  • Exame de Motilidade Ocular (Teste Ortóptico)

    No teste ortóptico é feita uma avaliação do alinhamento ou desvio ocular em todas as posições do olhar.

    Também são realizados testes sensoriais da visão binocular (uso simultâneo dos olhos) e suas funções, como, por exemplo, a percepção simultânea das imagens, a visão estereoscópica (visão em terceira dimensão).

    Os exercícios ortópticos são indicados pelo ortoptista após a realização do teste e podem ser feitos no consultório e/ou em casa, conforme a orientação do profissional.

  • Glaucoma: Causas e Fatores de risco

    Confira neste artigos, o que os médicos falam sobre causas e alguns fatores que podem contribuir para o desenvolvimento de glaucoma, que pode levar a cegueira, se não tratados.

    Glaucoma Causas e Fatores de Risco

    Causas

    Por razões que a medicina ainda não compreende totalmente, o aumento da pressão dentro do olho (pressão intraocular) é geralmente, mas nem sempre, associada à lesão do nervo óptico, que caracteriza o glaucoma. Esta pressão acontece devido ao aumento de um líquido chamado de humor aquoso, que é produzido na parte anterior do olho ou por uma deficiência de sua drenagem através de seu canal.

    Quando há um bloqueio desse fluido do olho, este provoca o aumento da pressão ocular. Na maioria dos casos de glaucoma, essa pressão está elevada e provoca danos no nervo óptico.

    A doença também pode acometer crianças, embora elas não manifestem nenhum tipo de sintoma. Crianças podem vir a apresentar glaucoma congênito de evolução tardia que acontece nos primeiros anos de vida ou glaucoma juvenil que surge geralmente aos quatro ou cinco anos de idade. Mesmo não havendo sintomas, as crianças podem sofrer danos no nervo ótico também.

     

    Fatores de risco

    Os médicos alertam para alguns fatores que podem contribuir para o desenvolvimento de glaucoma que pode levar a cegueira, se não tratados. Confira:

    • Pressão intraocular elevada
    • Idade acima dos 60 anos ou acima dos 40 anos, para o caso de glaucoma agudo
    • Afro americanos são mais propensos a desenvolver glaucoma do que pessoas caucasianas, principalmente os acima dos 40 anos de idade
    • Histórico familiar de glaucoma pode elevar as chances de um indivíduo desenvolver a doença também
    • Diabetes, problemas cardíacos, hipertensão e hipertireoidismo também podem levar à doença
    • Doenças no olho, como alguns tumores, descolamento de retina e inflamações, aumentam o risco de glaucoma
    • Fazer uso por muito tempo de medicamentos à base de corticosteroides.